• Sergio Benchimol

Automedicação pode afetar a sua Saúde Ocular

A automedicação é um risco. É sempre importante ressaltar que os organismos das pessoas são diferentes e a resposta diante de um mesmo medicamento nem sempre é a mesma. Logo, o que foi eficaz para um paciente pode causar um efeito adverso em outro.

Colírios são medicamentos e, como tais, só devem ser utilizados sob prescrição médica. Mesmo os lubrificantes, comuns, especialmente, em épocas de baixa umidade, precisam ser prescritos por um médico oftalmologista.

Cremes e pomadas também entram na lista e só devem ser administrados sob prescrição médica. E, em hipótese alguma, medicamentos que não sejam indicados para uso oftalmológico devem ser aplicados nos olhos, como cremes dermatológicos ou ginecológicos, por exemplo .


Além dos riscos relacionados às possíveis reações adversas causadas pelo medicamento, a automedicação pode atrasar o tratamento, agravar o quadro e até disfarçar sintomas de um problema mais grave.


Os colírios possuem diversos princípios ativos e alguns deles podem causar efeitos colaterais. Diante de desconfortos oculares, a avaliação de um médico oftalmologista é fundamental e não deve ser negligenciada.


Somente o especialista poderá avaliar a situação em sua totalidade e não tratar somente dos sintomas. Dessa forma, é possível prevenir complicações e, ainda, obter um diagnóstico precoce, grande aliado do sucesso do tratamento. Não coloque a saúde dos seus olhos em risco! (Fonte: ISO Olhos)


Ver bem é viver bem.

Sua Visão é tudo para nós!





1 visualização0 comentário